HOME    AGENDA    COLUNAS    GATAS    CONTRATE O SITE   CONTATO
Carregando Carregando Carregando

Colunas

» Leonardo Radin
Leonardo Radin
Desenvolvedor WEB Fanático pela Chapecoense, administrador do Maior Portal Multimídia da Chapecoense: www.chapemultimidia.com.br
+ artigos de Chapecoense
Maycon Tormen
Automotivo
Maycon Tormen
Felipe Vendruscolo e Francini C. Martins
Dra. Grasiela Bonfanti
Estética e Saúde Bucal
Dra. Grasiela Bonfanti
Tatiane Alves
Fatos & Relatos
Tatiane Alves
Felipe S. Machado Junior
Josi Vizzotto
Make Up
Josi Vizzotto
Douglas Foschiera
Música Sertaneja
Douglas Foschiera
Clic Notícias
Notícias
Clic Notícias
Ana Paula Bolis Bassani
Rock 'n' Roll Indie
Ana Paula Bolis Bassani
Pahola B. Cassol
Sustentabilidade no dia-a-dia
Pahola B. Cassol
Arthur Rogoski Gomes
Regiane Dalarosa
Tendências em Acessórios
Regiane Dalarosa

Ponto de Vista! (15/04/2013)

Ponto de Vista!

O copo está meio vazio ou meio cheio?

Inicio o texto da semana com essa pergunta para os torcedores. Muitos criticam (com razão) o futebol não apresentado pela Chapecoense no returno do Campeonato Catarinense 2013. Não tem como negar que a qualidade do time caiu e MUITO na segunda metade da competição, tanto que se analisarmos somente o returno, a Chape está na parte de baixo da tabela.

                Mesmo com uma atuação tão abaixo da média, com um futebol tão medíocre e com tanta falta de vontade apresentada em campo, a Chapecoense é, para desespero de muitos críticos, o time com a melhor campanha GERAL do Campeonato, e depende apenas de um empate na última rodada para se manter na ponta. Por quê? Porque o time fez uma excelente campanha no primeiro turno, e se deu ao luxo de não depender de grandes atuações na segunda metade do campeonato. Méritos da equipe, que está jogando com o regulamento embaixo do braço, fazendo apenas o necessário para se manter na ponta.

E porque não jogar para vencer, manter o ritmo e ser campeão também do returno? Acredito que todos se lembram do que aconteceu com o Figueirense no ano passado, que ganhou os dois turnos com soberania, batendo em todo mundo e mandando no campeonato. Mesmo assim, teve que disputar às semifinais e finais, e acabou perdendo o título para o seu maior rival, o Avaí, que só garantiu a vaga na fase decisiva na última rodada do returno.

Resumindo, mesmo a Chape se esforçando ao máximo, ganhando TODAS as partidas do returno, tendo melhor ataque, melhor defesa, jogadores destaques em todas as partidas, poderia ser eliminada e nem chegar à final. Isso com certeza fez com que o time relaxasse um pouco. Mas porque a Chape relaxou tanto? Infelizmente não sei responder essa pergunta, tendo em vista que se esperava mais do time, principalmente nesses jogos que antecedem a semifinal. Porém, o time está garantido na semifinal, disputa o jogo decisivo em casa, e se chegar à final, disputa o jogo do título também em seus domínios, e para quem não sabe, a Chape é a única equipe que ainda não perdeu em seus domínios.

Hoje, o time novamente não venceu. Ou, para aqueles que assim como eu, ainda acreditam no time por tudo aquilo que os jogadores já provaram que podem fazer, hoje NOVAMENTE NÃO PERDEMOS!

Quer se manter atualizado com as notícias do Verdão? Acesse o Maior Portal Multimídia da Associação Chapecoense de Futebol – www.chapemultimidia.com.br

Foto: Jean Sandrini/ChapeMultimidia


Postado em 15/04/2013 por Leonardo Radin
Clic-Chapeco.com.br - Todos os direitos reservados